O Custo de carregar um veículo elétrico: Comparação com a gasolina

O futuro está batendo à porta

O Custo de Carregar um Veículo Elétrico
(Foto: Chargy)

Calcular o custo de carregamento de um veículo elétrico pode parecer uma tarefa complexa, especialmente para quem não está familiarizado com os valores de quilowatt-hora. No entanto, a realidade é que o carregamento em casa, para a maioria dos compradores de carros elétricos, acaba sendo significativamente mais econômico do que abastecer um veículo a gasolina. Vamos analisar essa questão mais detalhadamente.

Ao olharmos para o custo por milha, podemos perceber a diferença. Por exemplo, para o popular Tesla Model Y, o carregamento em casa pode custar entre R$ 48 e R$ 214, dependendo se o carregamento for feito em um carregador de nível 3 ou em casa.

Para fornecer uma análise abrangente, escolhemos três veículos elétricos que abrangem uma gama de tamanhos e eficiências. Examinamos as taxas de carregamento doméstico mais altas e mais baixas, que podem variar enormemente entre os estados. Além disso, calculamos o custo do carregamento rápido DC para uma viagem rodoviária.

Uma questão fundamental aqui é: você sabe quanto paga por um quilowatt-hora de eletricidade em casa? Para a maioria das pessoas, esta informação não é imediatamente acessível. A média nos EUA é de aproximadamente 16 centavos de dólar por quilowatt-hora, o que pode percorrer a maioria dos veículos elétricos de três a cinco quilômetros.

Quanto ao carregamento rápido DC, usado em viagens rodoviárias, os preços são mais variáveis. Dependendo da rede de carregamento, podem ser mais baixos durante a noite e podem envolver taxas de sessão para cada conexão. Muitas redes também oferecem planos de adesão com uma taxa mensal, geralmente com tarifas mais baixas por quilowatt-hora.

Leia também:

No geral, o carregamento em casa sempre se mostrou muito mais econômico para percorrer 160 milhas em comparação com a gasolina – apenas um quarto do preço. Contudo, para viagens rodoviárias, o carregamento rápido DC geralmente acaba sendo mais caro do que usar gasolina. Ainda assim, em locais onde a gasolina é particularmente cara, veículos menos eficientes podem ter uma vantagem financeira ao utilizar a recarga rápida.

É importante notar que em todos os nossos cálculos adicionamos 5% à energia de recarga para compensar possíveis perdas durante o processo de carregamento. Portanto, ao considerar o custo de carregar um veículo elétrico, é vital levar em conta todos esses fatores para obter uma visão precisa e comparativa.