Novo Peugeot 208 Turbo chega com motor 1.0 usado no Pulse e na Strada

Potência e Eficiência em um Ícone Atualizado

Novo Peugeot 208 Turbo chega com motor 1.0
(Foto: Divulgação/Peugeot)

O aguardado Peugeot 208 agora surge com um motor 1.0 turboflex, uma adição notável à sua já impressionante gama. Combinado a uma transmissão CVT que emula sete marchas, esse conjunto propulsor é uma presença familiar na Stellantis, encontrando-se em outros modelos do grupo, como os Fiat Pulse e Strada. Esta nova oferta vem em três variantes de acabamento, com preços competitivos entre R$ 99.990 e R$ 114.990. Além disso, a linha 2024 do hatch sofreu ajustes de preço, começando agora a partir de R$ 75.990.

Mantendo a tradição de apresentar opções alternativas, o novo Peugeot 208 continua a oferecer modelos aspirados de 1.0 e 1.6 litros, garantindo que a gama satisfaça uma variedade de preferências e necessidades dos clientes.

Novo Peugeot 208 Turbo motor 1.0
(Foto: Divulgação/Peugeot)

Para testar o desempenho do 208 turbo, a Peugeot chamou a imprensa para uma avaliação na pista da Fazenda Capuava, no interior de São Paulo. Equipado com um motor 1.0 turbo de três cilindros, capaz de desencadear 130 cavalos e 20,4 mkgf de torque máximo, ou 208 demonstra uma força especial desde 1.750 rotações por minuto. Esta potência o coloca à frente de concorrentes como Chevrolet Onix, Hyundai HB20 e Volkswagen Polo.

Leia mais:

A experiência ao volante revela uma aceleração vigorosa e uma agilidade notável em partidas e retomadas de velocidade. No entanto, algumas considerações podem ser feitas sobre a interação entre o motor e a transmissão CVT, especialmente em acelerações mais intensas. A caixa de câmbio, fornecida pela Aisin, incorpora uma simulação de sete marchas, mas as trocas sequenciais só podem ser feitas através da alavanca de câmbio.

O comportamento das suspensões do 208 turbo é equilibrado, proporcionando conforto sem sacrificar a restrição necessária em um veículo esportivo. Além disso, os amortecedores e molas foram recalibrados para aprimorar ainda mais a experiência de condução. No quesito frenagem, novas pinças foram implementadas para garantir uma resposta precisa.

peugeot 208 1.0
(Foto: Divulgação/Peugeot)

Em termos de desempenho puro, o 208 turboflex ostenta uma aceleração de 0 a 100 km/h em 9 segundos, quando abastecido com etanol. Sua velocidade máxima atinge os 206 km/h, independentemente do tipo de combustível presente no tanque.

O design externo permanece praticamente inalterado, salvo pelas rodas de 17 polegadas, uma estreia para o modelo. O escapamento cromado adiciona um toque de elegância ao visual.

Dentro da cabine, o espaço é generoso para quatro ocupantes, enquanto o entre-eixos de 2,54 metros contribui para um ambiente confortável. O porta-malas oferece uma capacidade de 311 litros, comodidade praticidade para o uso cotidiano.

O Peugeot 208 Turbo também introduziu o inovador i-cockpit, com um volante de cerâmico reduzido e posicionado abaixo do quadro de instrumentos digitais. O acabamento interno é de alta qualidade, combinando plásticos bem encaixados com texturas específicas ao toque. As versões turbinadas também vêm equipadas com central multimídia de 10,3 polegadas, suporte para espelhamento de smartphones e uma série de recursos de comodidade.

Para os clientes preocupados com manutenção, a Peugeot oferece um pacote de revisões com preços fixos para as três primeiras, proporcionando transparência e previsibilidade aos custos de propriedade. O conjunto do pacote, abrangendo o intervalo de 10 mil a 30 mil km ou 36 meses, está disponível por R$ 530. O novo Peugeot 208 Turbo reúne potência, eficiência e estilo, consolidando seu status como uma escolha excepcional no mercado de compactos esportivos.